NEGLIGÊNCIA É O PRINCIPAL FATOR DE VIOLÊNCIA CONTRA O IDOSO

Esse ano 2018 a campanha da fraternidade trata o tema “FRATERNIDADE E SUPERAÇÃO DA VIOLÊNCIA, tendo como lema: “Em Cristo somos todos irmãos” (Mt 23:8).

O idoso não deve ou não deveria sofrer qualquer tipo de violência, porém a violência contra a pessoa idosa não está somente relacionada apenas à agressão física.

Os casos de negligência, que é a falta de cuidado, a falta de interesse, a falta de atenção, o descuido, são as principais formas de violência praticada contra os idosos. O abandono do idoso é caracterizado pela omissão dos familiares, ou pelas pessoas que convivem com eles ou ainda pelas instituições responsáveis nos cuidados básicos do idoso e que deveriam defender e proteger o desenvolvimento físico, emocional, mental e social da pessoa idosa.

A negligência caracteriza-se de diversas formas; como privação de medicamentos, ausência de proteção contra o frio e o calor, descuido com a limpeza e asseio pessoal, higiene e saúde do idoso.

Dentre as formas de manifestação da violência contra a pessoa idosa, destaco:

- Violência Física: Incluem abuso e maus tratos físicos, que constituem a forma de violência mais cruel e visível, gerando a dor física, hematomas; costumam acontecer por meio de empurrões, beliscões, tapas ou por outros meios mais letais, como agressões com cintos, varas, cabos de vassouras, armas brancas (exe.: facas, estiletes) e armas de fogo.

- Violência Sexual: É qualquer ação na qual uma pessoa, fazendo uso de poder, força física, coerção, intimidação ou influência psicológica, obriga outra pessoa idosa, de qualquer sexo, a ter, presenciar ou participar, de alguma maneira, de interações sexuais.

- Violência Econômico-financeira e Patrimonial: Consiste no usufruto impróprio ou ilegal dos bens dos idosos, ou no uso não consentido por eles de seus recursos financeiros e patrimoniais, esse tipo de violência normalmente é praticado por seus protetores ou familiares.

- Violência Alto-infligida e Autonegligência: Refere-se à conduta da pessoa idosa que ameaça sua própria saúde ou segurança por meio de recusa de prover a si mesma dos cuidados necessários. Nesse caso, não se trata de terceiros que provocam a violência, e sim da própria pessoa idosa.

- Violência Psicológica: Correspondem a qualquer forma de menosprezo, desprezo, preconceito e discriminação, incluindo agressões verbais, gestuais ou intimidações com o objetivo de aterrorizar, humilhar, restringir a liberdade ou isolar a pessoa idosa do convívio social. Podem resultar em tristeza, isolamento, solidão, sofrimento mental e depressão.

Esteja sempre ao lado dos idosos, protegendo-os e cuidando deles, eles precisam de nosso carinho e atenção, qualquer tipo de violência deve ser denunciada. Para isso, a Secretaria de Direitos Humanos conta com o serviço do Disque 100 para acolher denúncias. Trata-se de um serviço gratuito, que funciona 24 horas por dia. A identidade de quem denuncia é preservada. Denuncias também podem ser feitas pelo portal disque100.gov.br.

Amem os idosos eles são os pilares de nossas famílias.

Biografia: texto por redação a12em mundo 15junh2016-07H47

Marco Antonio Kopelvski – Colaborador



VOLTAR



COMPARTILHE ESTA PAGINA


Deixe um comentário

 

 
 
© 2014 - Paróquia Santa Mena - Todos os Direitos Reservados
Av. Suplicy, 197 - Jardim Santa Mena - Guarulhos/SP - Tel: (11) 2455-9434


Este website é melhor visualizado em 1280x900px - Preferencialmente utilizar Internet Explorer 9 ou Firefox 28 Pode haver erros em navegadores inferiores.